21/07/2008

Acorrentado e à fome :S


Foi mais um abandono na zona do Cabo Girão. Desta vez com o 'requinte' de o animal ter sido acorrentado a um poste de iluminação pública, à fome e à sede. Com a ajuda de dois elementos da brigada anticrime da PSP de Câmara de Lobos e dos Bombeiros locais, foi possível recolher o pastor alemão, que foi acolhido pela SPAD.
***
Palavras para quê?!? Se há coisas que me tiram do sério, esta é definitivamente uma delas!
Se o abandono já é uma temática lamentável e revoltante para mim, quanto mais um abandono acorrentando o animal, impedindo-o assim de procurar comida e ajuda!
Há "gente" que nem merece o ar que respira, motivo pelo qual mereciam sentir na pele exactamente aquilo que são capazes de fazer, atentando contra a vida destes nossos fiéis amigos.
Imagine-se o que seria acorrentar alguém a um poste no Paúl da Serra ou o mais longe possível da civilização, sem telemóvel, água ou comida....

2 comentários:

Alexandre Pinto disse...

O dito 'povo superior' ainda tem muito que evoluir pois situações destas continuam a ocorrer sem haver quem investigue e apure responsabilidades, nem tão pouco existe enquadramento jurídico-penal adequado que permita "deitar a mão" a estes bárbaros desumanos e reduzir ao máximo este género de situações.
Espero que este belo pastor tenha melhor sorte e que encontre um novo dono, digno da sua fidelidade canina.

Xana Abreu disse...

Pois...a do "povo superior" tem muito que se lhe diga realmente!
Falaste e disseste, por isso espero que ele realmente encontre um lar á altura :)

Content Copyright ©2009-2011 - Powered by Xana Abreu