22/12/2011

Britânicos se mobilizam para pagar cirurgia de cão cego

Casper nasceu cego e a deficiência impediu o cão da raça golden retriever de encontrar um lar. Levado para o abrigo de animais carentes Dogs Friends, em Bristol, na Inglaterra, o cachorro chamou a atenção de Sally Baker
Tocada pela história de Casper, que sofria por não poder brincar com outros cachorros, comer ou andar sozinho sem que atropelasse o que estivesse em seu caminho, a funcionária do local decidiu apelar para a população, a fim de dar nova vida ao filhote.
Ela produziu e distribuiu pela cidade cinco mil panfletos que contavam a trajetória de Casper. O objetivo era arrecadar o equivalente a R$ 5,8 mil para pagar uma cirurgia de catarata para o cão. Com a ajuda de milhares de pessoas, entre crianças que doaram os trocados que ganhavam dos pais para comprar doces e idosos, que dividiram com Casper parte de suas aposentadorias, Sally arrecadou três vezes mais do que a quantia necessária.
Após a iniciativa, os veterinários decidiram reduzir pela metade o preço cobrado pela cirurgia. Há poucos dias, Casper realizou a operação e já enxerga parcialmente. “Ele passou da escuridão total para uma vida de luz e felicidade”, disse um dos médicos ao jornal Daily Mail desta quarta-feira (21/12).

 
O restante do dinheiro arrecadado na campanha será utilizado na cirurgia de outros três cães da Dogs Friends.
Juliana Bacci

(Foto: Grosby Group)